Projeto da Feira do Alimento Orgânico

VOLTAR



Experiênciaexitosa de Saúde e Agroecologia
Projeto da Feira do Alimento Orgânico


                        Figueiredo, J.E.S,  Garibotti. V.

Secretaria Estadual da Saúde/RS, Centro Estadualde Vigilância em Saúde, Av. Ipiranga 5400– Porto Alegre, RS.(jussara-figueiredo@saude.rs.gov.br); (vanda-Garibotti@saude.rs.gov.br) 


Esterelato tem como objetivo, contar a experiência exitosa de Saúde e Agroecologia,realizado  no Centro Estadual deVigilância em Saúde  nos anos de 2018 e2019, tendo como público alvo os trabalhadores da SES/ CEVS e ESP .
  O Grupode Trabalho Agrotóxico, o setor de Alimentos da Divisão de VigilânciaSanitária, e a coordenação da Residência Integrada em Saúde, na ênfase deVigilância em Saúde  do CEVS, juntamentecom os residentes em um esforço coletivo, resolveram aproximar os trabalhadorese residentes de vigilância em saúde da produção agroecológica. Esta aproximaçãoé realizada com visitas aos locais de produção, oficinas e com a realização de  Feira de Alimento Orgânico no pátio do CentroEstadual de Vigilância em Saúde (CEVS).
AFeira  de alimento orgânico tem porobjetivo conscientizar as pessoas sobre a importância do consumo e produção dealimentos em harmonia com a natureza, baseada nos princípios da agroecologia,valorizando a biodiversidade, contribuindo para a saúde da população egarantindo a justiça social em todos os segmentos de sua rede de produção.Neste contexto é também  estratégia dapromoção da Saúde no âmbito da vigilância em saúde.  
Metodologia 
Estaatividade envolveu os profissionais da Residência em Vigilância em Saúde, apartir de 2018, todas as turmas de Residência tiveram seu primeiro contato comuma visita a uma produção agroecológica. No momento da visita eles conhecem ahistória da propriedade, vão ao campo e verificam a produção e colheita deprodutos. Tem a oportunidade de conversar, tirar dúvidas e comprar produtoscolhidos diretamente da produção.
Apósas visitas os residentes com apoio do GT Agrotóxicos, coordenação da RIS noCEVS, e setor de Alimentos da DVS, são convidados para auxiliar na organizaçãodas feiras. A ideia inicial é realizar duas feiras por ano, uma em cadasemestre, até criar o hábito e o gosto do nosso público pelas feiras.
Alémdas feiras de produtos orgânicos sempre são organizadas atividades paralelas,como oficinas, vivências, rodas de conversas e distribuição de materiaiseducativos. O horário das feiras sempre coincide com o intervalo do almoço,para que todos possam visitar e fazer suas compras. Normalmente o horário defuncionamento é das 10h as 16h. Oportunizando que todos os trabalhadores à visitem.Em Todas as edições é realizado o projeto da feira, com o material dedivulgação, organização de atividades e dos recursos necessários paraviabilizar o evento. Procuramos  envolvervários setores para ampliar a participação. No ano passado não tivemos arealização de uma das edições da feira devido a greve de parte dosfuncionários. Neste ano de 2020 devido a pandemia, não foi possível organizar aFeira. Pretendemos retomar em 2021.
 A 1ª Feira De alimentos Orgânicos do CEVS, foirealizada em 29 de maio de 2018 e foi um sucesso com grande participação doscolegas. Abaixo o cartaz de divulgação com a programação.  
            12h : Abertura com Coral LACEN
            12h - 16h - Exposição da FeiraOrgânica
            13h30min - 14h: Roda de conversa - PGDR- UFRGS
            14h30min - 15h: Rodade conversa sobre Certificação de Produtos Orgânicos - MAPA                                                                                                          
A 2ª Feira de alimentos Orgânicos do CEVS foi realizada em 26 desetembro de 2018, com grande participação dos colegas. Abaixo o cartaz dedivulgação com a programação
12h às 16h - venda de produtos orgânicos.
13h- Roda de conversa- Alimentação saudável
 14h- Roda de conversa sobre a certificaçãodos produtos orgânicos.   
A 3ª Feira dealimentos Orgânicos do CEVS  foi realizada no dia 12 de junho de 2019,  com grande participação dos colegas .abaixo o cartaz de divulgação com a programação     
Programação:
            10h - 16h -venda de produtosorgânicos
               14h: Oficina Aproveitamento  Integral dos Alimentos  /  Oficina do Relógio do corpo humano
               15h: Oficina AproveitamentoIntegral dos Alimentos  /  Oficina do Relógio do corpo humano
Diante deste contexto, justifica-se a realização de atividades queproduzam saúde , dentro das estruturas de um órgão que tem como premissa aadoção de medidas eficazes e efetivas para a melhoria da qualidade de vida dapopulação contribuindo para  a promoção econsumo de produtos orgânicos e alimentos sustentáveis.             

Estratégias de Comunicação e Anexos

Que tipo(s) de ferramenta(s) utiliza para divulgar a experiência e se comunicar com os envolvidos?
  • Aplicativo desenvolvido pela organização
  • E-mail

Identificação do tipo experiência

Esta experiência é/foi realizada no Brasil?
Sim
Selecione o tipo de experiência
Cuidado em saúde

Sujeitos

Você considera que a experiência tem uma atuação em Rede?
Não
¿Con qué grupos se construye esta experiencia?
  • Estudantes
  • Profissionais de saúde
  • Agricultoras/es familiares/camponeses
  • Educadoras/es
Sexo: indique los grupos que participan en esta experiencia
  • Feminino
  • Masculino
Se há um sexo com maior participação, indique
Feminino
Faixa etária - indique o(s) grupo(s) que participa(m) dessa experiência
  • De 30 a 60 anos
  • De 15 a 29 anos
Se há uma faixa etária com maior participação, indique
De 30 a 60 anos

Localização e abrangência espacial

Esta experiência está sendo cadastrada pelo celular (via aplicativo ODK Collect)?
Não
Qual é a abrangência territorial das ações desenvolvidas na experiência?
Local

Identificação

O describa es el nombre de la organización que registra la experiencia
Centro Estadual de Vigilância em Saúde

Práticas em saúde e agroecologia

Práticas Agroalimentares (produção/beneficiamento/consumo)
Feiras agroecológicas
Prácticas Integradas y complementarias en Salud
Plantas medicinais e fitoterapia
Esta práctica es considerada una tecnología social por los protagonistas de la experiência?
Não
O que estimula a adoção dessa(s) prática(s)?
Rodas de conversa e oficinas

Políticas públicas

Caso a experiência tenha acessado uma ou mais políticas públicas brasileiras, indique
Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos (PNPMF)
Ano de publicação
2020
Última atualização
06/10/2020
Mapeamento
Saúde e Agroecologia
Organização de referência
Centro Estadual de Vigilância em saúde
Áreas Temáticas