AÇÕES EDUCATIVAS SOBRE OS IMPACTOS DOS AGROTÓXICOS E DO CONTROLE QUÍMICO DE VETORES DAS ARBOVIROSES NO CAMPO E NA CIDADE

VOLTAR


Esta experiênciafaz parte de um projeto iniciado em 2015 em parceria com aAssociação de Lideranças, Organização, Agricultores eAgricultoras Familiares do Cariri Paraibano – CASACO, localizada emBoqueirão/PB. Em 2017, com a aprovação do projeto Tecnologiassociais e educação ambiental para o controle vetorial dearboviroses: promovendo a saúde e a qualidade de vida no semiáridoparaibano, a temáticados impactos do controle químico dos vetores das arboviroses foiintroduzida às ações. O objetivo geral é sensibilizaragricultores/as, prossionais de saúde e população em geral sobreos impactos à saúde humana e ambiental do uso de agrotóxicos e docontrole químico de vetores das arboviroses. A experiência envolveatividades de ensino, pesquisa e extensão, na perspectiva dametodologia participativa e do diálogo de saberes. Ao longo desses 5anos várias ações foram desenvolvidas: rodas de conversa(Agroecologia em Prosa), seminários, ocinas, apresentaçõesartísticas e participações em eventos e feiras. No âmbito dapesquisa, já foram coletados dados sobre intoxicações poragrotóxicos, percepções dos/as agricultores/as familiares sobre osimpactos dos agrotóxicos e transgênicos, percepções dos/asprossionais de saúde sobre os impactos dos agrotóxicos etransgênicos e sobre o controle químico de vetores das arboviroses.Como resultados já alcançados, destacamos: Desenvolvimento de açõesde combate ao uso de agrotóxicos e de sementes transgênicas;Divulgação da Campanha Contra os Agrotóxicos e Pela Vida, comcriação de comitê local; Ações de Educação em saúde,enfatizando os seguintes temas: impactos dos agrotóxicos à saúdehumana e ao meio ambiente, práticas adequadas de manejo da água edos alimentos, agroecologia e saúde, práticas de cuidado com asaúde de quem trabalha no enfrentamento das arboviroses (Agentes deControle de Endemias e Agentes Comunitários de Saúde); Produção edistribuição de materiais educativos (adesivos, cordéis,marcadores de livros); Divulgação das feiras agroecológicas e dos pontos xos de comercialização de produtos agroecológicos. Emrelação ao alcance das ações,nãohá como calcular um número exato de pessoas atendidas, já que oprojeto tem ações tanto com grupos fechados, como ações em praçase eventos com grande número de pessoas. Devidoao isolamento social, em razão da pandemia da COVID-19, as açõespresenciais foram suspensas, algumas ações estão sendodesenvolvidas de forma virtual como o Agroecologia em Prosa, adivulgação das Feiras e Delivery de produtosorgânicos/agroecológicos, e coleta de dados em bancos de dadosvirtuais. Atualmente a experiência integra o Programa de Extensão \"Agroecologia, saúde e cidadania: ações do Núcleo de Extensão Rural Agroecológica (NERA) pelo bem viver, cadastrado na Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Estadual da Paraíba.

Anexos

Localização e abrangência espacial

Esta experiência está sendo cadastrada pelo celular (via aplicativo ODK Collect)?
Não
Qual é a abrangência territorial das ações desenvolvidas na experiência?
Regional intermunicipal

Estratégias de Comunicação e Anexos

Que tipo(s) de ferramenta(s) utiliza para divulgar a experiência e se comunicar com os envolvidos?
  • E-mail
  • Instagram
  • Facebook/Messenger
  • Whatsapp/Telegram

Arquivo e/ou link relacionado às produções/práticas da experiência

Tipo de anexo
Documento (PDF, Word, Excel, etc)
Tipo de anexo
Documento (PDF, Word, Excel, etc)
Tipo de anexo
Documento (PDF, Word, Excel, etc)

Sujeitos

Você considera que a experiência tem uma atuação em Rede?
Não
¿Con qué grupos se construye esta experiencia?
  • Gestoras/es públicos
  • Movimentos sociais
  • Organização não governamental (ONG)
  • Profissionais de saúde
  • Sindicato
  • Agricultoras/es familiares/camponeses
  • Extensionistas rurais/ técnicas/os
  • Agricultoras/es urbanas/os
  • Estudantes
  • Consumidoras/es
  • Educadoras/es
Sexo: indique los grupos que participan en esta experiencia
  • Feminino
  • Masculino
Se há um sexo com maior participação, indique
Feminino
Faixa etária - indique o(s) grupo(s) que participa(m) dessa experiência
  • De 7 a 14 anos
  • De 15 a 29 anos
  • De 30 a 60 anos
  • Acima de 60 anos
Se há uma faixa etária com maior participação, indique
De 30 a 60 anos

Duração da experiência

1 Impacto da Pandemia da Covid-19

Essa é uma experiência criada em resposta aos efeitos da crise sanitária decorrente da pandemia do Coronavírus (Covid-19)?
Em parte, a experiência já acontecia mas houve ajustes devido à pandemia

Resistências e ameaças

Algo ameaça esta experiência?
  • Agrotóxico
  • Contaminação/poluição ambiental
  • Transgênico
Há conflito(s) ambiental(is) no(s) território(s) onde essa experiência acontece?
Sim
Indique o(s) município(s) e respectiva(s) Unidade(s) Federativa(s) onde acontece o conflito
Em vários municípios onde as ações são desenvolvidas há conitos relacionados ao agronegócio
Grupo(s) social(is) atingido(s) pelo conflito ambiental
  • Agricultor(a) familiar
  • Ribeirinhas/os
  • Trabalhadoras/es rurais assalariadas/os
  • Trabalhadoras/es rurais sem terra
Actividades generadoras del conflicto
  • Agroindústria/agronegócio
  • Agrotóxicos
  • Monoculturas
  • Transgênicos
  • Transposição de bacias hidrográficas
Impactos Socio-ambientales de las actividades
  • Contaminação ou intoxicação por substâncias nocivas
  • Desertificação
  • Falta de saneamento básico
  • Poluição de recurso hídrico
  • Poluição do solo
  • Precarização/riscos no ambiente de trabalho
  • Desmatamento
Possíveis danos à saúde decorrentes da atividade e/ou do conflito
  • Contaminação ou intoxicação por agrotóxicos
  • Doenças não transmissíveis ou crônicas
  • Doenças respiratórias
  • Insegurança alimentar e nutricional
  • Piora na qualidade de vida
  • Fome
A experiência aqui cadastrada está envolvida nesse(s) conflito(s) ambiental(is)?
Sim, a experiência contribui para o enfrentamento do conflito

Identificação do tipo experiência

Esta experiência é/foi realizada no Brasil?
Sim
Selecione o tipo de experiência
Ensino-pesquisa-extensão
Se envolve ensino, indique qual(is) o(s) tipo(s) de curso(s)
  • Graduação
  • Curso técnico
Si se trata de enseñanza, indique el número total de vacantes disponibles (por curso/clase)
Não se aplica
Se envolve ensino, indique o número total de egressos (pessoas que concluíram o curso/turma)
Não se aplica
Se envolve pesquisa, indique a área principal da pesquisa
Saúde
Se envolve pesquisa, o grupo está cadastrado no Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq?
Sim
Insira o link do grupo no Diretório do CNPq
http://dgp.cnpq.br/dgp/espelhorh/3614773151684280
Se envolve extensão, indique a área principal da extensão
Saúde
Si se trata de transferencia tecnológica, el grupo se encuentra formalizado en una institución universitaria?
Não

Identificação

O describa es el nombre de la organización que registra la experiencia
Núcleo de Extensão Agroecológica - NERA

Práticas em saúde e agroecologia

Práticas Agroalimentares (produção/beneficiamento/consumo)
  • Compostagem
  • Feiras agroecológicas
  • Plantas alimentícias não convencionais (PANCs)
  • Quintais sócio-produtivos (horticultura, pomar, etc.)
Otras prácticas no especificadas en las opciones anteriores
Práticas de Educação em Saúde
Esta práctica es considerada una tecnología social por los protagonistas de la experiência?
Não
O que estimula a adoção dessa(s) prática(s)?
  • Ancestralidade/trajetória de vida/memória afetiva
  • Curso de capacitação e treinamento
  • Intercâmbio/vivência
  • Rodas de conversa e oficinas
  • Participação em redes de aprendizados e conhecimentos