Experiência: Sítio Mori 1
Chamada : 81/2013

Ano Publicação: 2016
   
Esta experiência será realizada no Sítio Mori, de 8 alqueires, cujo os proprietários são os senhores Paulo Shuzi Mori e Fernando Mori, localizada na cidade de Uraí, comunidade Sessão Horizonte.
Os cultivares produzidos são de banana, beringela e macadâmia, sendo manejados uma parte de maneira orgânica e outra de convencional, estes produtos tem como destino centrais de abastecimento CEASA, localizado na cidade de Curitiba, a empresa RIO DE UNA na cidade de São José dos Pinhais além de venda direta para mercados e restaurantes.
Segundo o agricultor a opção pela agricultura orgânica teve seu inicio quando a sua família e o mesmo foram intoxicados com inseticida presente em algodão e passaram mal. Sua primeira tentativa com orgânicos se deu com café não tendo muito resultado e o fazendo mudar para hortaliças. Atualmente conta com o apoio da EMATER. Encontra mais dificuldade com pragas e doenças de solo. E a principal mudança motivada pela conversão ao orgânico, na visão do produtor, foi uma necessidade de maior organização da propriedade.
Autor(es):

EMATER – nstituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural - Unidade Marechal Cândido Rondon
NEAT -Núcleo de Estudos de Agroecologia e Territórios

Relator(es):

ROGERIO BARBOSA MACEDO

Anexos
  frm_exp_geral_ex_ ()

Áreas Temáticas
 Desenvolvimento Rural
 Sistemas de Produção Agrícola
 Correntes de Agricultura Alternativa
 Agricultura Orgânica
 pt-br:Construção do Conhecimento Agroecológico|es:Construcción del Conocimiento Agroecologico

Áreas Geográficas
 Uraí