Experiência: A experiência da família de Cícero Cunha e Erinalda
Chamada : Melhorar a agricultura preservando a natureza

Ano Publicação: 2000
   
Cícero Cunha e Erinalda têm dois filhos e moram na comunidade Mocambo do Pedro II, município de Sigefredo Pacheco (PI). Cícero é trabalhador rural, estudante e secretário da Associação de Pequenos Produtores Rurais da comunidade. Em 1993, foi convidado pelo CEPAC e o STR de Sigefredo Pacheco a participar de um Diagnóstico Rápido Participativo de Agroecossistemas - DRPA, quando começou a perceber a importância de plantar preservando a natureza. A partir de então, passou a fazer seleção de sementes e a cultivar por até cinco anos na mesma área. Em 1999, começou a utilizar diferentes técnicas em sua roça: curvas de nível, espaçamento, leiras, cobertura orgânica com palha de carnaúba, raspas de piquiá e esterco, além da diminuição de sementes por cova. Cícero utiliza duas receitas para combater o pulgão: na primeira, pega a espuma do sabão de coco e aplica em cima do pulgão; na segunda, coloca casca de angico de molho e usa para repelir os insetos. Como o solo é fraco e chove pouco, fez uma experiência para melhorar o plantio da mandioca: capina o mato puxando-o para o tronco da mandioca. Afirma que dessa forma consegue conservar a umidade do solo e produzir melhor. Para a conservação das sementes da mandioca colhe a maniva da roça que está plantada, corta e deixa 15 dias descansando para engrossar o leite. Cícero nunca usou produtos químicos e tem consciência de que dessa maneira contribui para a preservação da natureza e para a saúde da família.
Autor(es):

Cícero Cunha

CEPAC - Centro Piauiense de Ação Cultural

Relator(es):

CEPAC - Centro Piauiense de Ação Cultural

Áreas Temáticas
 Armazenamento e Conservação de Sementes
 Manejo de pragas, doenças e plantas espontâneas
 Cobertura do Solo

Áreas Geográficas
 Nordeste Piauí Sigefredo Pacheco Sigefredo Pacheco

Biomas
 Caatinga