MULHERES MAMELUCO

O sitio mameluco fica á 18 km do município de trindade, é composto por 5 mulheres chamadas de mulheres mameluco. As 5 mulheres vem trabalhando em conjunto com a experiência barreiro lonado. As agricultoras Maria Gorete, Maria Lindeci, Francisca Maria, Damiana Isabel conhecida por (dona mocinha) contam que o primeiro passo foi dado a partir da organização da comunidade. Antônio Edilson proprietário do sitio doou uma parte de suas terras para a construção do barreiro lonado para implantação das hortas agroecologica das mulheres mameluco que utiliza água do barreiro na irrigação das plantas. Isso permitiu que as famílias mameluco tivessem uma produção diversificadas de hortaliças durante todo o ano, sendo que as famílias vêm consumindo conforme suas necessidades, garantindo assim uma alimentação saudável e sem agredir ao meio ambiente o referido barreiro foi implantado em 2009, 108 dias foi o tempo que levou na sua escavação, construção das paredes, cobertura de lona e telhado, logo o terreno contribuía bastante para sua implantação. A capacidade media de armazenamento é de 150 mil litros de água. Mocinha conta que no período de estiagem as dificuldades aumentam, sentimos a necessidade de deixar e de aguar todos dos dias da semana de cultivo passando a molhar apenas dois dias na semana, outro passo importante e que estamos vendendo também nosso coentro que cobramos 0,50R$ por moe. Dona Francisca diz que mesmo com essas dificuldades nada se compara com o passada, pois fazia 5 dias que nós não plantava nem um pé de planta no quintal e que a dificuldade eram muitas, hoje vejo que parte da minha alimentação e dos meus filhos saem dos produtos produzidos daqui.posso também dizer que é um alivio para o meu bolso, alem de ter uma alimentação saudável, pois nossos produtos são produzidos sem o uso de veneno, pouco tenho gasto com saúde. Sinto que o trabalho que tenho junto com as mulheres tem contribuído muito com a melhoria de nossas vidas. Ainda relata Maria Gorete a vida melhorou 100% porque agora tem água e podemos plantar de tudo um pouco, quando sobra também produtos levamos para a feira agroecologica.

Comentários
Ainda não há comentários sobre esta experiência.