Palavra de Agricultor

Seu Luiz Gonzaga tem 66 anos e se diz agricultor desde criança. Mora na comunidade de São Raimundo, em Trairi desde de1979. Mas conta que sua experiência com agroecologia começou há 12 anos atrás a partir de sua participação junto ao trabalho do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de seu município, dos cursos e dos inúmeros intercâmbios que fez. Há 5 anos deixou de queimar e usar qualquer tipo de agrotóxico. Em 2,4 hectares cria 16 cabeças de ovelhas, 7 porcos e 40 galinhas. Separa 0,5 hectare para o roçado, cultiva uma horta de 40 por 40 metros e mantém cajueiros e uma mini-reserva de mata nativa na área de pastagem das ovelhas. No roçado, planta feijão para o consumo, milho para os animais e mandioca para fazer farinha. Sempre gostou de hortas, já plantava uma desde que morava no sertão. Nessas terras, iniciou uma horta em 1995 no início só para o consumo. Mas em 2004 aumentou quatro vezes sua produção para vender verdura nas redondezas, gerando uma renda de 20,00 reais por semana. Na horta também planta medicinais. E para aproveitar o espaço, planta também girassol, sabiá, acerola, coco, maracujá, cana-de-açúcar, cajueiro e goiabeira. É no quintal que cuida das galinhas e porcos. Seu maior desafio é conseguir adubo orgânico. Aproveita todo o esterco que tem fazendo composto com palhas e bagaço.

Experiência
Palavra de Agricultor
Chamada
Produção agroecológica em Trairi-ce
Ano de publicação
2007
Última atualização
17/04/2018
Autoras/es
Relatoras/es
Áreas Temáticas
Áreas Geográficas
Comentários
Ainda não há comentários sobre esta experiência.