Fundo Rotativo Solidário da Comunidade do Lucas

Em uma reunião realizada 2004, a comunidade do Lucas, em Campina Grande, na Paraíba em discutiu a imprtância da água e da gestão compartilhada desse recurso. Iniciou-se nessa época uma experiência com Fundo Rotativo Solidário com apenas seis famílias interessadas, que logo se transformou em um grupo de quinze. No final desse mesmo ano foi realizada uma nova reunião para se tomar todas as decisões referentes ao Fundo, com os participantes decidindo em conjunto quanto, quando, como, a quem e para o quê queriam formar um Fundo Solidário. Primeiro foi construído uma cisterna na Igreja de São Lucas, e depois emprestado dinheiro para construção de banheiro, bicas, reboco, piso, muro, reforma e areia para se fazer novas cisternas. Agora a comunidade gere dois Fundos, o antigo para a construção de cisternas e um outro para construção e reforma de casas, e se pretende iniciar um terceiro para telas.

Experiência
Fundo Rotativo Solidário da Comunidade do Lucas
Chamada
Experiência com fundo rotativo solidário em Campina Grande
Ano de publicação
2006
Última atualização
17/04/2018
Autoras/es
Relatoras/es
Áreas Temáticas
Áreas Geográficas
Comentários
Ainda não há comentários sobre esta experiência.