Agricultura em quintais

Desde 2001, a Pastoral da criança e a AS-PTA vêm desenvolvendo juntas metodologias capazes de incentivar o aproveitamento dos quintais domésticos para o plantio de alimentos, plantas medicinais e ornamentais. Primeiramente, foram identificadas experiências espontâneas e já consolidadas em diversas comunidades da zona oeste do município do Rio de Janeiro. Após a realização de palestras e encontros para a troca de informações sobre técnicas, formas de cultivo e aproveitamento dos espaços domésticos e hortas comunitárias, muitos resultados interessantes foram obtidos: -Em Rolas, Santa Cruz, a parceria entre a Pastoral da Criança e Posto de Saúde local vêm gerando muitos frutos ao estimular o plantio de alimentos e remédios em espaços alternativos, o aproveitamento da matéria orgânica e a valorização do quintal como espaço produtivo. -Na Paróquia N. Sra da Paz, o grupo da pastoral implantou na Igreja uma horta de plantas medicinais, aonde são feitos e distribuídos remédios caseiros e sabonetes medicinais. -Na Paróquia Santa Sofia, em Cosmos, Campo Grande, diversas famílias foram estimuladas a dar início ao plantio nos quintais domésticos, após as visitas de intercâmbio. -Na Paróquia N. Sra de Nazaré, em Vila Paciência, foi implantada uma horta na capela, que é mantida pelos membros da Igreja; -Na Paróquia N. Sra. Do Carmo e Favela das Almas foram desenvolvidas duas iniciativas: o Banco de Sementes Comunitário e a Sala da Vida, gerido pelo Grupo de Saúde Alternativa. -Na Paróquia de São Pedro Apóstolo, na Praia da Brisa e Jardim Guaratiba, os grupos criaram uma horta comunitária e um espaço de formação e incentivo às famílias atendidas pelo projeto. O cultivo em quintais é capaz de gerar novas sociabilidades, o aumento da auto-estima, o cuidado com a casa e com o meio ambiente, além do resgate da cultura e do conhecimento sobre as plantas e seu cultivo.

Experiência
Agricultura em quintais
Chamada
Agricultura em quintais
Ano de publicação
2005
Última atualização
04/11/2019
Autor/a
Anexo
Áreas Temáticas
Áreas Geográficas
Comentários
Ainda não há comentários sobre esta experiência.