Manejo e comercialização de espécies frutíferas nativas da Amazônia - COFRUTA-Abaetetuba\Pará

A COFRUTA - Cooperativa dos fruticultores de Abaetetuba reúne 131 sócios na venda para o mercado local/regional de polpa de frutas (acerola, cajá, açaí e outras frutas de ocasião em menor escala), sementes secas e fermentadas de cupuaçu. As famílias extrativistas da Cofruta promovem regularmente o replantio de frutíferas e a recuperação de áreas degradadas onde o extrativismo é praticado. A Cooperativa obteve a certificação ecológica do açaí produzido pelo Instituto de Mercado Ecológico (IMO), da Suíça, que atesta que o fruto é manejado de modo sustentado, sem causar danos ao meio ambiente. “Isso comprova que é possível gerar renda e, ao mesmo tempo, manter a floresta intacta. O ribeirinho sabe muito como fazer isso, afinal de contas, é o espaço onde ele vive e de onde tira o sustento”, afirma Josenildo Costa da Silva o presidente da Cofruta. A cooperativa administra uma unidade industrial de processamento de frutas com capacidade instalada de 800kg por dia. Inicialmente, a unidade teve como meta de trabalho produzir xaropes e geléia de frutas para merenda escolar de Abaetetuba e municípios vizinhos. Contudo, devido à inconstância desse mercado, a Cofruta foi obrigada a modificar a sua linha de produtos e atuar já em seus primeiros anos no mercado de polpas congeladas. Principalmente, com o fruto açaí, cuja demanda de mercado vem crescendo 100% ao ano. Atualmente, a cooperativa vem ganhando mercado na comercialização de polpa congelada, principalmente no estado de São Paulo e Rio de Janeiro.

Comentários
Ainda não há comentários sobre esta experiência.