Tem que ter criatividade!

Genésio Manoel Soares mora no assentamento Escalvado, município de Itapipoca, norte do Ceará. Muito antes de conhecer o conceito de agroecologia, Genésio já praticava, pois no dia-a-dia percebia que se não cuidasse bem da terra ela não produziria mais. Genésio abandonou a monocultura de grãos e passou a se dedicar à horticultura, trabalhando com 14 variedades além do que produz para o próprio consumo (batata doce, mamão, macaxeira, acerola, alho etc.). Como adubo natural seu Genésio utiliza a cinza da madeira e do carvão, colocando uma colher da cinza em buraco feito a um palmo de distância do pé. Também utiliza esterco de galinha e cabra para o preparo dos compostos orgânicos. Genésio tem uma variedade de defensivos naturais, já que cada planta tem uma praga diferente. Ele sempre utiliza nim e pé de fumo para proteger seus canteiros. Genésio recolhe sacos plásticos no assentamento para fazer suas mudas, economizando R$ 10,00 por mês, além de ajudar a natureza. Junto com a consciência agroecológica despertou em Genésio também a luta por melhores condições de vida para os moradores do Escalvado.